quinta-feira, 18 de novembro de 2010

“A arte de uma época em madeira e pedra”

A ilustração desta postagem é um acanhado tributo a um dos maiores gênios da arte brasileira, que completa hoje, 18 de novembro, cento e noventa e seis anos de seu retorno à Pátria Espiritual.
Refiro-me ao arquiteto, escultor e entalhador Antônio Francisco Lisboa, o teimoso ‘Aleijadinho’, que ganhou este apelido devido a uma moléstia degenerativa que provoca a perda dos membros. E que mesmo com as ‘barreiras’ impostas pela doença continuou seu trabalho.

Aleijadinho Michelangelo

Nascido em Vila Rica (atual Ouro Preto-MG) recebeu apenas a educação primária, porém cresceu entre obras de arte (seu pai foi um dos primeiros arquitetos de Minas Gerais). Seu conhecimento artístico fora obtido na prática, com os mestres João Gomes Batista e Francisco Xavier de Brito (e é claro, em existências anteriores).

Seu trabalho mais conhecido (as esculturas de Congonhas do Campo) foi executado quando ele tinha mais de sessenta anos de idade, já deformado pela doença. Para conseguir esculpir, seus ajudantes amaravam o martelo e o cinzel aos seus punhos. Mas foi após a doença que sua obra tornou-se verdadeiramente grandiosa: as expressões, de poderoso efeito emocional, de suas esculturas impressionam pela originalidade. Há quem acredite que a fisionomia dos doze profetas em pedra sabão tenha sido inspirada nos inconfidentes mineiros.
Fontes de pesquisa:
www.passeiweb.com;
www.sampa.art.br;
http://educacao.uol.com.br;
livro "Confidências de um Inconfidente"

Nos anos oitenta, quando eu nem imaginava cursar Arquitetura, editei juntamente com o amigo Jamar, o ‘Franzine Além da Imaginação’, que tinha esse nome em homenagem a este formidável artista mineiro

4 comentários, é um milagre!

John Castelhano disse...

Muito boa a ilustração do "Aleijadinho" caro desenhista Kennedy, parabens pelos desenhos, são fantasticos, e obrigado por seguir meu Blog. Não sei como achou o meu Blog, estou seguindo o seu agora.Sucesso na sua arte.
Atenciosamente...
John Castelhano
Santa C R Pardo - SP

Tatiana Moreira disse...

Meu Amigo... Fico aqui admirando a sua capacidade de dar vida aos desenhos que faz. Com certeza você tem um dom fantástico!

Sua homenagem e lembrança sobre esse grande e inesquecível artista ficou divina!

A sua criação e do Jamar despertou a minha curiosidade em ver e ler!

Desejo para você e os seus familiares um ótimo final de semana!

Um abraço carinhoso

Anne Lieri disse...

Milton,são demais as suas ilustrações!E sempre muito bom falar de Aleijadinho,um grande artista e exemplo de vida!bjs,

Alberto disse...

Nossa, ficou fera a silhueta do Michelangelo no desenho.

Related Posts with Thumbnails